Translate

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Porto - Benfica (3-4 nas grandes penalidades) [ Meia final da Taça da Liga]

Mais um jogo de decisões!
Na véspera da deslocação a Turim, o Benfica disputava a meia final da taça da Liga no estádio do Dragão.
Mais uma vez Jesus tinha um dilema:
Alinhar com os habituais titulares ou fazer uso de jogadores menos utilizados e poupar jogadores para Turim. Com
Salvio e Silvio de fora mas por lesão, Jesus optou pela poupança de alguns jogadores e alinhou com o seguinte onze inicial:


No banco estavam: Paulo Lopes, Funes Mori, Djuricic, Maxi, Garay, Enzo e Markovic.

Luisão, Artur, Fejsa, Gaitan e Rodrigo ficaram de fora já a pensar no derradeiro jogo com a Juventus.


A equipa da casa que tantos e tantos anos "ignorou" esta competição queria chegar à final pela terceira vez  e para isso colocava a carne toda no assador na esperança de carimbar a presença no derradeiro encontro em Leiria com o já finalista Rio Ave.

A verdade é que o Porto entrou melhor no encontro e foi coleccionando as melhores oportunidades.
Aos 9 minutos por
Jackson, aos 15 por Varela e aos 21 e 25 novamente por Jackson.
Os da casa causavam perigo mas falhavam na finalização.

Aos 30 minutos Steven Vitoria (que estava a realizar um jogo desastrado, diga-se) comete falta e recebe cartão vermelho.

Jesus uma vez mais esteve (na minha opinião) muito bem ao retirar Lima.
Poupa o avançado para o jogo com os italianos e dá assim ritmo a Cardozo.
(Sobre Cardozo queria só dizer isto: Criticam o homem por tudo e nada. Esquecem-se o papel que teve no inicio desta época. Posso estar enganado, mas ainda nos vai dar alegrias importantes).

Aos 35 minutos livre em boa posição para Cardozo bater.
O tal que não presta, o tal que é criticado por muitos Benfiquistas, ainda mete medo e SILENCIOU o dragão.
O respeitinho é muito bonito.

O Benfica, tal como fez na luz, mostrou-se relativamente confortável a jogar com menos um elemento tendo inclusive conseguido equilíbrio defensivo algo que lhe fugia desde o inicio da partida.
O arbitro madeirense deu por concluída a primeira parte e as equipas iam para os balneários com um nulo no marcador.

Na segunda parte mais do mesmo.
Os azuis com mais bola mas, ao contrario da primeira parte, a criarem menos perigo.
O Benfica fazia o seu papel e atacava apenas quando podia sem entrar em loucuras! Com menos um elemento era imperial fechar bem la atrás. Isso o Benfica fez com mestria!

A grande oportunidade para o Porto surgiu aos 80 minutos quando
Herrera ganha um ressalto na área e remata de primeira com a bola a passar muito perto do poste.
Aos 82 Danilo mergulha na área mas o arbitro não foi na cantiga (isto já não são os velhos tempos, terá pensado o presidente peidoso).

Entretanto o Mangala ia distribuindo porrada em tudo o que mexia mas na maior partes dos lances não era assinalada falta.
Bom teste para o jogo com a Juventus.
Os da casa tentavam mais com o coração do que com a cabeça e o Benfica conseguiu mesmo terminar o encontro com um 0-0 depois de, uma vez mais, terem defrontado o clube corrupto com menos um jogador durante mais de 60 minutos.

Com o empate final no marcador,
o vencedor teria que ser encontrado através da marcação de grandes penalidades.


O primeiro a  marcar foi o Benfica.

Chamado à conversão Siqueira não vacilou e colocou o Benfica na frente.

Quintero empatou 1-1

Garay vê a sua bola ser devolvida pela barra.

Jackson não quis ficar atrás e enviou a bola para a Torre dos Clérigos.


O outro central do Benfica também foi chamado a bater mas não falhou.

Ghilas também marcou golo e empatou a partida 2-2
André Gomes que para a Taça de Portugal brilhou, permitiu a defesa de Fabiano.

Maicon fez questão de copiar André Gomes e viu Oblak negar-lhe o golo.

 
Enzo fez o
2-3

Varela marcou e fez o 3-3 Cavaleiro fez o 3-4

Fernando também foi chamado a bater o penalti e em boa hora!
O brasileiro envia a
bola no poste permitindo que o Dragão fosse o palco para a festa Benfiquista.


O Benfica atinge a quinta final desta competição (e conta já com 4 troféus no seu museu) onde irá disputar o troféu com o Rio Ave.



O Benfica volta a jogar já esta quinta-feira ás 20h05  com a Juventus, a contar para as meias-finais da Liga Europa.




Ps- Depois da festa no relvado, eis que surge jardel no Flash interview...