Translate

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Monaco 0 - Benfica 0 (UEFA Champions League 2014/2015 3ª jornada )

Este é um daqueles jogos em que não dá vontade...
Jogo muito aborrecido, sem ideias, sem garra e diria mesmo, sem vontade.
Para este jogo Jesus alinhou com:



O Benfica não entrou bem na partida e logo aos 5 minutos a equipa da casa deu o primeiro sinal de perigo que acabou por falhar de forma mais ou menos escandalosa.
Aos 8 minutos Eliseu já tinha cartão amarelo (aliás já não é a primeira vez que recebe cartão tão cedo..)
A equipa da casa ia controlando o jogo e o Benfica só deu o seu primeiro sinal de perigo aos 20 minutos quando Gaitán foge pela esquerda, cruza ao segundo poste, mas Salvio não conseguiu a emenda.

Este lance parece ter, de alguma forma, despertado os jogadores do Benfica que agora apareciam mais vezes na zona de finalização. No entanto a lentidão de processos era tanta que permitia à equipa de Jardim anular
todas as jogadas de maior perigo.

Ainda assim ao minuto 40 fica muito perto do golo.
Cruzamento de Talisca (após canto curto) e Lima remata  para o guarda-redes do Mónaco fazer uma grande defesa.

Na resposta e após uma má reposição de Artur, a equipa da casa fica numa situação de 3x3..

A defesa do Benfica acabaria por ser "salva" pelo arbitro do encontro que deu por terminada a primeira parte para grande frustração (compreensível) para os da casa.

Na segunda parte uma ligeira melhoria por parte do Benfica parecia vir com mais confiança e tentou desde cedo tomar conta da partida. Esse "domínio" demorou algum tempo em ser "materializado" e só aos 68 minutos o Benfica dispôs de uma flagrante oportunidade.
Salvio entra na área e rematou para defesa de Subasic.
Na recarga André Almeida permitiu nova defesa do guardião da casa.

Apenas dois minutos mais tarde Salvio e Enzo combinam bem com Enzo a rematar á entrada da área no entanto a bola saiu muito por cima.



O Benfica cheirava o golo e aos 74 minutos teve nova oportunidade.
Lima deixa passar para Gaitán que do bico da área remata em força.No entanto a bola saiu ao lado!


Esta foi a ultima oportunidade que o Benfica teve.
Apenas 2 minutos depois L.Lopez foi expulso e o Benfica ficava reduzido a 10 elementos no melhor período do encontro.
Depois desta expulsão e de forma compreensível o Benfica retraiu-se e entregou o domínio do jogo aos da casa que nos instantes finais criaram perigo para a baliza de Artur sem consequências. O encontro terminaria com um pobre 0-0.
Um empate que sabe a muito pouco mas que ainda assim dá o primeiro ponto nesta competição.
Ficou a ideia de que um Benfica com mais garra e determinação venceria esta equipa do Mónaco que continua a provar o que eu vi no inicio na Emirates Cup:
São uma nulidade!


Destaque para o grande apoio ao Benfica!
Mesmo jogando fora o Benfica teve apoio em grande escala
Os Benfiquistas estão cientes que nem sempre é possível jogar, nem sempre é possível ganhar! mas é sempre possível lutar!
Foi isso que não vimos neste jogo (principalmente nos primeiros 45 minutos). Uma pena, principalmente porque o Benfica estava a "jogar em casa" e os seus adeptos mereciam mais...